New York 20014 – Museu de História Natural

Quem ai não ama New York? Ou devo chamar pelo nome português de Nova Iorque? Independente do nome, eu simplesmente AMO esse lugar. Acho que é uma cidade que todo mundo deseja conhecer certo?!

E se você tivesse a oportunidade de viver uma vida nova iorquina por 2 meses? Foi isso que aconteceu comigo nos últimos meses de abril e maio. 

Nas fotos que postarei vocês verão pessoas da minha família e da do marido, pq como disse… todo mundo quer ir pra New York, então tivemos visitas ilustres e amadas! 

New York como todos sabem é uma cidade que respira cultura, moda e muita comida boa.

Estou aqui pensando no que escrever, pois são tantas coisas que aconteceram que nem sei por onde começar ( e esse é o principal motivo de nunca escrever aqui, pq cada dia é uma aventura ou descobrimento novo na minha vida… tenho que entrar no blog diariamente e registrar tudo antes de esquecer.) e me veio à cabeça uma dica que tenho que dar pra quem for à New York e pretende pegar o metrô: Por favor se informem direitinho qual o número do metrô que vocês devem tomar pq se você pegar o errado vai atravessar a cidade e fatalmente se perder pelo subterrâneo de uma das cidades mais movimentadas do mundo. Seguinte, peça informação (se não sabe falar inglês, pelo menos compre um livrinho com frases básicas e decore), apesar da fama de casca grossa, o nova iorquino na maioria dos casos gosta de te ajudar (eu disse na maioria dos casos, não todos eles. Então não se deixe abalar se alguém for estúpido com você, vá atrás de um policial que certamente ele irá te ajudar com prazer). Recomendo pegar um daqueles mapas do metrô e ficar com ele 24hrs. Quando te informarem o número do metrô que deve tomar, vá até a plataforma, preste atenção no sentido (pode ser Queens, Uptown, Downtown, etc, você precisa ter uma idéia das direções na ilha) e depois a cada trem que chegar, olhe bem o número que fica indicado na frente dele, pegue o seu e seja feliz. Você pode comprar um cartão de metrô recarregável e isso vai te ajudar a economizar alguns dolares com os descartáveis, que também são cobrados porém inutilizados depois de uma vez.
Obs: Cuidado com os batedores de carteira, NY é super populosa e cheia de turistas, o que atrai muitos ladrões de carteira, máquinas fotográficas e celulares. Mas não se preocupe, eles não colocam arma na sua garganta e nem faca na sua barriga, eles simplesmente abrem sua bolsa e pegam o que tem dentro, então novamente, cuide das bolsas e mochilas!
Estou falando tudo isso por experiência própria. Esse ano foi minha terceira vez em NY, porém a mais longa, então foi quando realmente descobri os truques pra curtir a cidade com segurança e economia hehehe. Quando fui pegar o metrô com a minha avó e tia, pegamos o trem errado, o que nos fez ir de downtown para o queens sem ao menos parar em nenhuma plataforma (existem linhas diretas por isso preste atenção), depois tivemos que fazer todo o caminho de volta e perdemos um tempão do nosso dia de turismo. Depois finalmente chegamos ao Museu de História Natural, aquele do filme Uma Noite no Museu e este é um que você não pode perder! A estação de metrô é a “81st Museum of Natural History” e ela tem uma saída que dá dentro do museu, e lá você paga os U$33 para adulto e U$20,50 para crianças na entrada. Mas o que aconteceu com nós 3 foi bem diferente… Fui pedir as 3 entradas e perguntar se maiores de 60 anos teria desconto e a mocinha que me atendeu muito simpática me disse: Paga o que quiser! Eu: Oi? Excuse me? Ela: Sim, pague quanto você quiser! Eu sem entender nada: Ok, tenho U$30 para as 3, está bom? Hahahaha Eu acho que ela deve ter pensado: Nossa, que menina legal trazendo as senhorinhas pro museu, vou fazer o dia delas mais feliz! E fez, pq depois de ter rodado a cidade de cabo a rabo com o metrô errado ela me fez sorrir novamente hehehe.

Hoje vou postar algumas fotinhos do Museu e as outras estórias Nova iorquinas ficam pro próximo post ok?! Espero que gostem! Vou tentar sempre trazer dicas que aprendo por ai pra ajudar quem precisar 😉

Museu de História Natural fundado em 1869 para promover a ciência e educação.

Tia com os animais que não sei o nome em português, alguém se lembra?

Um pouco do borboletário

Baleia branca em tamanho real na sala dos animais marinhos.

Escultura de pedra que pesa 33 toneladas.

Esculturas mexicanas.

Mama e a história do cresimento do tronco da Sequoia Gigante, árvore da costa da California, a árvore da foto tinha 100,88 metros de altura e 27,43 metros no entorno.

Os nossos índios também tem espaço no museu.

Linda foto!

Tirei essa foto pq tenho uma igual tirada em 2007.

Eles se encaram, mas não se atacam…

Manada de elefantes e Vó.


Bom gente, por hoje é só. 
Vou ficando por aqui e em breve volto com  mais fotos e estórias sobre a vida pelo mundo…

Obrigada pela visita e volte sempre!
Beijos,
Mirella.

Gostou? Então deixe sua impressão aqui.